18 de setembro de 2007

Um vestibulando perambulando

Estou uma bomba relógio. As vezes penso que tudo vai de fato explodir. Coisas em todos os setores...pressões em todos os setores...
Estou cansada, com uma dor de cabeça constante e olheiras crescentes. O vestibular está comendo meus rins e meu cerebelo. Fora as coisas de ordem pessoal que comem meu coração e paciência...Eu, autofágicamente, como meu juízo e minhas unhas...Quero só ver o que é que vai restar de mim até o final desse ano. De fato, em pedaços...
Tenho sonhado com provas, aulas, assuntos, e com assassinatos em massa...coisas trágicas que contribuem para que até no sono eu possa me estressar e perder o mínimo de paz e descanso. Estou mais chata do que nunca e acredito que tenho falado não só pelos cotovelos mas também pelos joelhos...E isso me faz mal...me faz mal falar demais. Sinto que perco com isso minhas energias e acabo também falando coisas inúteis.
Vou tentar dormir, tentar descançar...Espero que essa noite me traga bons sonhos.
Boa noite

Nenhum comentário: