29 de julho de 2008

Os dez mandamentos para economizar água

Olá caros amigos,
Certa vez li estes "mandamentos" em um site sobre ecologia e achei muito bacana e útil. É sempre muito importante tentar contribuir nas mínimas coisas para que o meio ambiente seja preservado. Afinal, as mudanças grandiosas são compostas por pequenas mudanças unidas.

Eis aqui para todos !


1.No banho: Se molhe, feche o chuveiro, se ensaboe e depois abra para enxaguar. Não fique com o chuveiro aberto. O consumo cairá de 180 para 48 litros.


2. Ao escovar os dentes: escove os dentes e enxágüe a boca com a água do copo. Assim você economiza 3 litros de água.


3. Na descarga: Verifique se a válvula não está com defeito, aperte-a uma única vez e não jogue lixo e restos de comida no vaso sanitário.


4. Na torneira: Uma torneira aberta gasta de 12 a 20 litros/minuto. Pingando, 46 litros/dia. Isto significa, 1.380 litros por mês. Feche bem as torneiras.

5. Vazamentos: Um buraco de 2 milímetros no encanamento desperdiça cerca de 3 caixas d’água de mil litros.

6. Na caixa d’água: Não a deixe transbordar e mantenha-a tampada.


7. Na lavagem de louças: Lavar louças com a torneira aberta, o tempo todo, desperdiça até 105 litros. Ensaboe a louça com a torneira fechada e depois enxágüe tudo de uma vez. Na máquina de lavar são gastos 40 litros. Utilize-a somente quando estiver cheio.


8. Regar jardins e plantas: No inverno, a rega pode ser feita dia sim, dia não, pela manhã ou à noite. Use mangueira com esguicho-revólver ou regador.


9. Lavar carro: Com uma mangueira gasta 600 litros de água. Só lave o carro uma vez por mês, com balde de 10 litros, para ensaboar e enxaguar. Para isso, use a água da sobra da máquina lavar roupa.


10. Na limpeza de quintal e calçada USE VASSOURA - Se precisar utilize a água que sai do enxágüe da máquina de lavar.

24 de julho de 2008

Sensaborias


Eu perco tempo. Me decomponho tentando idealizar as futuras horas, as futuras angústias e mazelas. Vez ou outra, as futuras alegrias. Enquanto isso perco os bondes. Eles passam velozmente enquanto eu aponto para algo abstrato que observo fixamente no outro lado da rua. Os bondes passam...

Ah, eu queria passar...

As duras horas, longas e ao mesmo tempo tão curtas, me condenam ao tédio durante e ao remorso depois. Queria ser o presente. Ou pelo menos, eu queria caber nele. Ser o gerúndio.
Só quem está sendo sedimentado sabe como dói ter seus pedaços perdidos e soltos pela vida.







* O casal anterior ( não mais um casal) : Jack Nicholson e Angelica Huston. Lindos e excelentes.

21 de julho de 2008

Quem são, quem são ??

Quero só ver quem vai descobrir !!!!!















*Publico a resposta no próximo post.

14 de julho de 2008

Nostalgia

Quem me dera congelar o mês de janeiro de 1996.
As conversas eram despretensiosas
Os domingos mais regados de bom humor
As madrugadas no interior da Bahia eram mais festivas...
Os Mamonas vivos, um bebê dentro de casa, papéis recortados em caixas de sapato...
O pé de acerola tão vermelhinho...


3 de julho de 2008

Nada De Novo No Front

Tudo fora escrito.
Os cajus, a intrasitividade, as decepções de Policarpo Quaresma, Macabéa, José.
Todas baratas foram transmutadas.
Me resta o futuro ineditismo do que não se espera, do que não se escreve, do que não se lê. A omissão.
Pena que esta, também fora escrita.